Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Parque Escolar 1ºCiclo de Famalicão em Requalificação
FC Famalicão assina parceria internacional com Hyundai

Parque Escolar 1ºCiclo de Famalicão em Requalificação

Adopção de estilo de vida saudável pode evitar um terço dos cancros

Ensino

2018-06-20 às 15h45

Redacção

Paulo Cunha visitou as escolas de Ruivães e Esmeriz.

Mais de 600 crianças do pré-escolar e 1.º ciclo vão 'estrear' durante o próximo ano letivo 2018/2019 'novas' escolas no concelho de Vila Nova de Famalicão. Trata-se das crianças que frequentam as Escolas Básicas do 1.º ciclo de Esmeriz, Ruivães, Conde S. Cosme de Famalicão e Riba de Ave, cujos edifícios estão a beneficiar de obras profundas de reabilitação e ampliação. Ao todo, o município tem em curso nestas escolas um investimento de 2,6 milhões de euros.

Com estas obras, o município prepara-se para encerrar o Plano de Reabilitação e Modernização do Parque Escolar do 1.º Ciclo iniciado há já alguns anos e que implicou um investimento de muitos milhões de euros que possibilitaram a adaptação das escolas do 1.º ciclo do concelho às exigências de conforto e de qualidade do século XXI.

Segundo o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, que iniciou esta segunda-feira, dia 18, uma visita às obras, "a grande maioria das obras nas infraestruturas educativas do concelho estão, neste momento, concluídas ou lançadas no terreno". Salienta, ainda, que"Vila Nova de Famalicão pode orgulhar-se de possuir um Parque Escolar moderno e de excelência".

Em Ruivães e Esmeriz, Paulo Cunha mostrou-se "muito satisfeito" com aquele que será o resultado final das intervenções. "O concelho vai ganhar mais duas escolas amplas e modernas, com edifícios de qualidade que privilegiam a entrada de luz natural e os espaços de recreio enfim, edifícios com todas as condições educativas para que o ensino cumpra as suas funções", afirmou o autarca.

Em Ruivães, para além da reabilitação do edifício com quatro salas para o 1.º ciclo e uma sala para o pré-escolar, as obras implicam ainda a ampliação com refeitório e recreio coberto e os arranjos exteriores. Presentes na visita, o presidente da Junta de Freguesia, Duarte Veiga, o diretor do Agrupamento de Escolas de Pedome, Fernando Lopes e os responsáveis da Associação de Pais foram unanimes ao afirmar a importância destas obras para a comunidade escolar.

Também em Esmeriz, as obras implicaram a reabilitação total do edifício e ampliação para mais uma sala, fazendo cinco salas para o 1.º ciclo, refeitório, sala de professores e recreio coberto. Estão ainda a ser executados arranjos exteriores, incluindo muros de vedação e suporto.

Visivelmente satisfeito, o presidente da Junta de Freguesia, Armindo Mourão, disse que Esmeriz ganha "uma bela escola" e adiantou que neste momento todas as salas estão lotadas, o que "é um bom problema para um autarca nos tempos que correm".

Também a diretora do Agrupamento de Escolas D. Sancho I, Maria Helena Pereira, e os representantes da Associação de Pais se mostraram em sintonia no que diz respeito à satisfação pelo andamento das obras.

Entretanto, decorrem também as obras de reabilitação e ampliação das escolas Conde S. Cosme de Famalicão e Riba de Ave. A passagem dos alunos para as novas instalações será articulada pelo município com as comunidades educativas e autarcas das freguesias, sendo que tal só acontecerá quando as obras forem concluídas e quando estiverem reunidas as condições ideais para o funcionamento das atividades escolares.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.