Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Município de Ponte de Lima em cooperação com o Centro Paroquial e Social de Rebordões Santa Maria
Jogadores do SC Braga/AAUM visitam as crianças internadas na pediatria

Município de Ponte de Lima em cooperação com o Centro Paroquial e Social de Rebordões Santa Maria

Presidente da Câmara Municipal de Viana recebeu 12 novos bombeiros municipais

Economia

2018-06-28 às 18h00

Redacção

Esta parceria visa contribuir para suprir as necessidades existentes no serviço de transporte de utentes com mobilidade reduzida do Centro Paroquial através da comparticipação na aquisição de uma viatura de transporte de passageiros nova e adaptada para pessoas com mobilidade reduzida, e com lotação de nove lugares

Considerando a aposta numa política social que promova a inclusão social, o enraizamento das populações e o envelhecimento ativo, o Município de Ponte de Lima celebrou na passada sexta-feira, 22 de Junho, um protocolo de cooperação com o Centro Paroquial e Social de Rebordões Santa Maria, instituição particular de solidariedade social que desenvolve as respostas sociais de Serviço de Apoio Domiciliário e Centro de Convívio desde o ano de 2001.

Esta parceria visa contribuir para suprir as necessidades existentes no serviço de transporte de utentes com mobilidade reduzida do Centro Paroquial através da comparticipação na aquisição de uma viatura de transporte de passageiros nova e adaptada para pessoas com mobilidade reduzida, e com lotação de nove lugares.

O valor atribuído pela autarquia é de 25.000€, sendo 20.000€ para ajudar na aquisição da carrinha e os restantes 5.000€ para a plataforma elevatória.

Com capacidade para prestar Serviço de Apoio Domiciliário a 82 utentes, atualmente, o Centro Paroquial e Social de Rebordões Santa Maria, presta Serviços de Apoio Domiciliário a 31 utentes. Este serviço consiste na prestação de cuidado de higiene e conforto pessoal; fornecimento e apoio nas refeições; tratamento de roupa; higiene habitacional; atividades de animação, socialização, lazer, cultura, aquisição de bens e géneros alimentícios, pagamento de serviços, deslocação a entidades da comunidade; acompanhamento e transporte para cuidados médicos; realização de pequenas reparações/modificações no domicílio; apoio psicossocial; sensibilização dos familiares e cuidadores informais para a prestação de cuidados aos utentes e administração da medicação prescrita.

O Presidente da Direção do Centro Paroquial e Social de Rebordões Santa Maria, Padre Filipe da Cruz Araújo, agradeceu ao Município, referindo que o apoio ao Centro Paroquial e Social visa "a melhoria da qualidade de vida dos utentes e seus familiares, com prestação de cuidados individualizados e específicos às necessidades de cada utente".

Por sua vez o Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, Eng.º Victor Mendes, reconheceu "o trabalho notável desenvolvido pela instituição e por todos aqueles que diariamente tornam possível este apoio aos mais vulneráveis.”

Saliente-se ainda a resposta do Centro de Convívio, onde atualmente frequentam 12 utentes, e no qual, são desenvolvidas atividades socioculturais, lúdio-recreativas, de motricidade e de estimulação cognitiva; alimentação; administração de medicação prescrita; articulação com os serviços locais de saúde; cuidados de higiene pessoal e de imagem e transporte. Esta resposta social visa contribuir para a estimulação de um processo de envelhecimento ativo, fomentando as relações interpessoais e combatendo situações de isolamento social.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.