Correio do Minho

Braga, terça-feira

Monção cativa 159 mil euros de apoio
Guimarães: Pelote evoca Batalha de Aljubarrota

Monção cativa 159 mil euros de apoio

Universidade do Minho apresenta oferta cultural para a Noite Branca

Alto Minho

2018-04-25 às 06h00

Redacção

Recuperar Fogos é o grande objectivo dos municípios que foram mais fustigados no último ano. Monção é um dos municípios abrangidos pela nova linha de apoio, dada pelo governo, para levar a cabo essa missão.

Este apoio financeiro disponibilizado vai permitir recuperar parte daquilo que os incêndios destruíram, respondendo, de forma positiva, ao trabalho político e técnico da autarquia tanto no levantamento/apresentação dos prejuízos como na componente preventiva junto das populações disse António Barbosa, presidente da Câmara Municipal de Monção, durante a cerimónia de assinatura de contratos programa para a execução de projectos de regularização fluvial.
O governo português criou uma linha de apoio de 12 milhões de euros para a reabilitação da rede hídrica nacional afectada pelos incêndios de Outubro passado. Desta fatia, 2 milhões de euros correspondem à região norte do país, contemplando 18 municípios.
A formalização deste apoio realizou-se no Auditório Municipal de Alijó, numa cerimónia presidida pelo ministro do Ambiente, João Pedro Fernandes. Monção é um dos municípios abrangidos com uma verba de 159 mil euros.
Com o objectivo de concretizar intervenções precisas que permitam recuperar margens dos rios e ultrapassar constrangimentos de escoamento das águas decorrentes dos incêndios, este investimento implica melhoramentos em 200 quilómetros de linhas de água.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.