Correio do Minho

Braga, terça-feira

GNR deteve quatro pessoas em Esposende por captura de meixão
Folclore e noites musicais animam a cidade de Braga nos meses de Verão

GNR deteve quatro pessoas em Esposende por captura de meixão

Vieira do Minho: “Cãominhada” aliou a solidariedade à prática de exercício

Casos do Dia

2018-02-19 às 11h23

Redacção

A GNR deteve, na zona do Rio Cávado, em Esposende, quatro pessoas que estavam na posse de mais de um quilo de meixão e 14 redes ilegais.

Quatro pessoas foram detidas por danos contra a natureza no rio Cávado, no concelho de Esposende, quando foram apanhadas em flagrante delito com 1240 gramas de meixão, 14 redes ilegais e duas embarcações, divulgou ontem a GNR.
Em comunicado, a GNR informou que, na sequência da acção de fiscalização desenvolvida pela Unidade de Controlo Costeiro (UCC) de Matosinhos, os detidos, com idades entre os 40 e os 60 anos, foram constituídos arguidos e sujeitos à medida de coacção de termo de identidade e residência (TIR), ao passo que o meixão foi devolvido ao habitat natural.

A GNR esclarece que a enguia europeia (com a designação científica anguilla anguilla), que na fase larvar é conhecida por enguia juvenil/meixão, é uma espécie considerada em perigo e tem sofrido uma grande redução devido à pesca ilegal, o que impede o normal ciclo de reprodução, colocando em causa a sustentabilidade da espécie.
A GNR tem realizado várias fiscalizações em Esposende.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.