Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Famalicão: Feira de S. Miguel revive tradições e promove produtos da terra
Braga Noivos atrai visitantes do país inteiro

Famalicão: Feira de S. Miguel revive tradições e promove produtos da terra

Cabreiros e Dumiense empatam num jogo onde faltou eficácia

Famalicão: Feira de S. Miguel revive tradições e promove produtos da terra

Vale do Ave

2019-09-20 às 10h00

Redacção Redacção

De 27 a 29, a Praça D. Maria II acolhe um dos maiores eventos do concelho. O concurso de gado, a des-folhada e a gala equestre são as actividades que se destacam neste certame.

É um dos eventos mais antigos de Vila Nova de Famalicão e aquele que conserva e revive de forma mais genuína tradições ancestrais relacionados com as origens do concelho. A Feira Grande de S. Miguel, que se realiza de 27 a 29, na Praça D. Maria II, foi ordenada pelo rei povoador D. Sancho I que ordenou em 1205, por altura da atribuição do Foral de Vila Nova, a realização da feira.
Todas as quartas-feiras Vila Nova de Famalicão continua a cumprir a ordem régia com a realização da feira semanal, mas há duas alturas no ano que o faz em ambiente de verdadeira festa e de valorização deste património cultural imaterial. É quando se realizam as duas Feiras Grandes anuais, também conhecidas como Feiras Francas, em Maio e agora em Setembro, com a Feira de S. Miguel.
O concurso de gado, a desfolhada minhota e a gala equestre são exemplos de iniciativas que atraem muitos milhares de pessoas pelas sua autenticidade e antiguidade. “São acções que fazem parte da identidade e da memória colectiva de Vila Nova de Famalicão” como costuma salientar o presidente da câmara municipal, Paulo Cunha.
Os cantares tradicionais e a exposição de gado bovino e equino animam o evento com cenários e sonoridades que recordam tempos antigos.
Enquanto decorrem as actividades há sempre oportunidade para provar os produtos da terra, frutos das colheitas recentes, com o Mercado de S. Miguel, que decorre diariamente no recinto do evento, com o seu artesanato e as tasquinhas.
Destaque ainda para o desfile de charretes pelas ruas da cidade. O workshop Bio Capital, que vai decorrer na Fundação Cupertino de Miranda e o Showcooking são as novidades do evento.
“São três dias para reviver tradições e mostrar às gerações mais novas acontecimentos que marcaram as origens de Famalicão”, salienta Paulo Cunha.
Entretanto, a Feira de S. Miguel traz no menu os pratos vegetarianos, em mais uma iniciativa dos Dias à Mesa. Ao longo dos três dias do evento um conjunto de restaurantes do concelho sugerem os pratos vegetarianos tendo por base produtos da terra. El Vagabundo; Fusilli, Massa & Café; Ganesh Club; Moutados de Baixo; Na Boca; O Prato; Refresco e Vinha Nova são os estabelecimentos aderentes.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.