Correio do Minho

Braga, terça-feira

Famalicão: Junta de Riba de Ave concentra vários serviços de atendimento ao público
João Novais: “Tenho o objectivo de baralhar as ideias do mister”

Famalicão: Junta de Riba de Ave concentra vários serviços de atendimento ao público

Novo ‘site’ transmite mais transparência e aproxima município da população de Caminha

Vale do Ave

2018-03-12 às 23h23

Redacção

Refira-se que as obras implicaram um investimento municipal de 60 mil euros proporcionando uma maior qualidade nos serviços prestados aos cidadãos.

A Junta de Freguesia da Vila de Riba de Ave concentra, a partir desta segunda-feira, um conjunto de serviços de atendimento ao público num espaço totalmente remodelado e com uma nova imagem. Trata-se do novo Posto dos CTT, do Espaço Cidadão e do Gabinete de Atendimento da Junta, que reunidos num único local, no piso 0 do edifício da Junta, trazem uma nova centralidade à vila. É exatamente a pensar nisso que o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, anunciou já a criação de um novo parque de estacionamento junto a estes serviços. O novo parque de estacionamento ficará localizado junto da Biblioteca Municipal e beneficiará não só estes serviços públicos, como também a escola e a própria biblioteca, explicou o autarca, esta manhã, durante uma visita efetuada às obras da Junta de Freguesia.

O presidente da Câmara Municipal realçou a importância da intervenção de requalificação e modernização da Junta de Freguesia de Riba de Ave, sublinhando que eram obras urgentes e necessárias que beneficiaram da oportunidade da mudança do Posto do CTT. O edifício da Junta tem hoje condições excelentes de atendimento e acolhimento da população, dignificando a comunidade, realçou.

Paulo Cunha enfatizou ainda a capacidade de resolução de problemas da presidente da Junta de Freguesia, Susana Pereira, que perante o problema que o encerramento da Loja dos CTT provocaria na Vila, arregaçou as mangas, foi à procura de alternativas e criou uma oportunidade para a população, concentrando todos os serviços na sede da Junta.

De resto, Susana Pereira mostrou-se muito satisfeita com a solução encontrada, salientando a sensação de dever cumprido. Conseguimos arranjar uma solução para o problema dos CTT e superamos as alternativas, proporcionando um conjunto de serviços público no mesmo espaço, sublinhou.

Refira-se que as obras implicaram um investimento municipal de 60 mil euros proporcionando uma maior qualidade nos serviços prestados aos cidadãos.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.