Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Dia Mundial da Diabetes assinalado em Cabeceiras de Basto
Lamas quer melhorar acessos à Mamoa

Dia Mundial da Diabetes assinalado em Cabeceiras de Basto

Oficinas de Criatividade homenageiam cientista nascido em Arcos de Valdevez

Vale do Ave

2018-11-15 às 16h23

Redacção

De salientar que no próximo sábado, dia 17 novembro, na Casa do Tempo, a partir das 14h30, e a propósito do Dia Mundial da Diabetes, a Farmácia Moutinho e a Medibasto organizam uma palestra designada ‘Unidos pela Diabetes’ com o objetivo de dar a conhecer melhor a doença, a sua identificação, os sintomas, a prevenção, complicações, tratamento e outros cuidados de saúde fundamentais para que a população, nomeadamente os Cabeceirenses obtenham mais informações sobre esta patologia crónica.

A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto associou-se ao Lions Clube que assinalou hoje o Dia Mundial da Diabetes de uma forma simbólica, através da projeção de luz azul na fachada do Mosteiro de S. Miguel de Refojos, na data oficial da comemoração desta doença em memória de Frederick Banting que, juntamente com Charles Best, foi o responsável pela descoberta da insulina em 1922.

Participaram nesta ação o presidente da Câmara Municipal, Francisco Alves e a vereadora do pelouro da Saúde, Dra. Carla Lousada, o presidente do Lions, Dr. Ernesto Oliveira, entre outros associados do clube e demais convidados.

Este dia visa consciencializar as pessoas sobre a doença e divulgar as ferramentas para a prevenção da diabetes que tem tido um aumento alarmante de casos no mundo.

De salientar que no próximo sábado, dia 17 novembro, na Casa do Tempo, a partir das 14h30, e a propósito do Dia Mundial da Diabetes, a Farmácia Moutinho e a Medibasto organizam uma palestra designada ‘Unidos pela Diabetes’ com o objetivo de dar a conhecer melhor a doença, a sua identificação, os sintomas, a prevenção, complicações, tratamento e outros cuidados de saúde fundamentais para que a população, nomeadamente os Cabeceirenses obtenham mais informações sobre esta patologia crónica.

Nesta iniciativa serão palestrantes médicos, enfermeiros, farmacêuticos e diabéticos que relatarão os seus casos.

A diabetes é uma doença crónica que afeta cerca de 8,3% da população mundial. Estima-se que afete 385 milhões e que em 2035 poderá atingir 592 milhões de pessoas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.