Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Centro Qualifica de Famalicão é um dos melhores do país
Projecto social 'Bolinhas de Sabão' pretende ajudar carenciados em África

Centro Qualifica de Famalicão é um dos melhores do país

Fernando Pimenta conquista duplo ouro

Ensino

2019-02-14 às 12h48

Redacção

Presidente da Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional entregou certificados de RVCC a mais de uma centena de adultos famalicenses.

O Centro Qualifica de Vila Nova de Famalicão “é um dos que apresenta melhor execução em todo o país”. Quem o diz é a presidente da Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP), Filipa Jesus, que elogiou os números “muito superiores à média nacional” daquele centro de formação e qualificação.
A responsável pela ANQEP esteve, anteontem, em Vila Nova de Famalicão para participar na cerimónia de entrega de diplomas e certificados do processo de reconhecimento, validação e certificação de competências (RVCC) escolar e profissional a mais de uma centena de adultos que concluíram recentemente o nível básico, secundário e profissional.

Em 2018, o Centro Qualifica de Famalicão superou largamente o objectivo de atingir os 900 inscritos, registando a inscrição de 1175 pessoas. No ano passado foram encaminhadas para ofertas formativas 760 pessoas e para processos de RVCC 383 pessoas. No total foram certificadas 180 pessoas, alcançando uma taxa de execução de cerca de 93%.
Filipa Jesus fala em “provas dadas” e aponta como chave do sucesso “o modelo de organização e funcionamento deste Centro Qualifica, baseado no trabalho em rede”.

“Não se trata apenas de um envolvimento vertido na celebração de protocolos. Trata-se de um real compromisso assumido pelas entidades, expresso em parcerias de sucesso que efectivamente se traduzem na implementação das medidas e acções previstas e que se reflectem nos resultados alcançados”, acrescentou.
O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, não escondeu a sua satisfação pelos números anteontem apresentados, deixando uma palavra de agradecimento e felicitação a todos quantos se envolverem neste processo.

O edil adiantou ainda que para 2019 estão disponíveis cerca de 80 mil horas de formação gratuita através do Centro Qualifica de Famalicão, que poderão atingir cerca de 25 mil pessoas, e deixou o desafio aos famalicenses para que “não deixem escapar esta oportunidade de aumentarem as suas qualificações”.
O Centro Qualifica tem a missão de aumentar a qualificação de adultos com vista a melhorar os seus níveis de educação e formação.O Centro Qualifica é coordenado pela câmara municipal em estreita colaboração com as escolas da Rede Local de Educação e Formação. Conta actualmente com sete pólos no concelho: Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, Agrupamento de Escolas D. Sancho I, Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado, Escola Profissional CIOR, Didáxis Cooperativa de Ensino de Vale São Cosme e Riba de Ave e Escola Profissional FORAVE.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.