Correio do Minho

Braga, sexta-feira

Centro de Mar de Viana do Castelo celebra terceiro aniversário e cria Prémio Ernâni Lopes
Fraudes e má informação nos rótulos dos alimentos

Centro de Mar de Viana do Castelo celebra terceiro aniversário e cria Prémio Ernâni Lopes

Piscina de Ferreiros presta “excelente serviço público”

Alto Minho

2017-11-17 às 15h15

Redacção

O Centro de Mar de Viana do Castelo assinalou ontem o seu terceiro aniversário com a abertura da exposição “A viagem interminável do lixo” e com a dinamização da IV Semana do Mar. Destinada sobretudo à comunidade escolar, a abertura contou com a presença do 2.º A da Escola de Ensino Básico da Avenida, que participou no evento com declamações e representações sobre o tema do mar.

O Centro de Mar de Viana do Castelo assinalou ontem o seu terceiro aniversário com a abertura da exposição “A viagem interminável do lixo” e com a dinamização da IV Semana do Mar. Destinada sobretudo à comunidade escolar, a abertura contou com a presença do 2.º A da Escola de Ensino Básico da Avenida, que participou no evento com declamações e representações sobre o tema do mar.

Localizado na ré do Navio Hospital Gil Eannes, o Cento de Mar abriu portas a 16 de novembro de 2014, Dia Nacional do Mar. Desde então, tem-se afirmado como um espaço privilegiado para apresentação de diversos projetos associados à atividade marítima do concelho. Constituído por um auditório, uma sala de exposições (Ernâni Lopes) e por um Centro de Documentação Marítima, o Centro de Mar assume-se como uma plataforma de divulgação do conhecimento e cultura marítima do distrito de Viana do Castelo.

Ontem, dia em que celebrou o seu terceiro aniversário e no âmbito da IV Semana do Mar, o Centro de Mar apostou numa programação diversificada direcionada ao público em geral e à comunidade escolar com a inauguração da exposição “A viagem interminável do lixo marinho”. Esta exposição, que parte de uma colaboração entre o Centro de Mar e a Associação Portuguesa de Lixo Marinho, pretende sensibilizar a comunidade para a problemática do lixo marinho e o seu impacto na natureza e nos ecossistemas. A exposição estará patente na sala Ernâni Lopes até ao final de 2018 e a entrada é livre. A marcação de visitas guiadas pode ser efetuada através do site do Centro de Interpretação e Monitorização (CMIA) em www.cmia-cm-castelo.pt.

Paralelamente, foi apresentada a primeira edição do Concurso Ernâni Lopes, direcionado a todos os ciclos de ensino com o objetivo de divulgar e premiar os trabalhos realizados pelos alunos relacionados com a temática do mar. Já no âmbito da exposição - “Nós de Marinheiro”, patente na sala de exposições temporárias do Centro de Mar, serão promovidas até dia 23 de novembro quatro sessões temáticas de “Aulas a bordo” sobre esta arte.

No dia 18 de novembro, sábado, a partir da 10h30, a Câmara Municipal e a Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo promovem o showcooking - Sabores do Mar de Viana. A 19 de novembro, pelas 10h30, tem lugar a apresentação do livro “As crónicas de uma baleia” da autoria da escritora Ana Lucas.

*** Nota da C.M. de Viana do Castelo ***

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.