Correio do Minho

Braga, terça-feira

Celorico viveu este fim-de-semana a I Feira Medieval
Mais um acidente grave em cascata no Gerês

Celorico viveu este fim-de-semana a I Feira Medieval

Bom Jesus é subida quase obrigatória para os turistas que visitam Braga

Vale do Ave

2018-05-15 às 23h10

Redacção

A atual povoação do Castelo de Arnoia que corresponde à antiga sede do Concelho de Celorico de Basto, denominada Villa de Basto recebeu este fim-de-semana centenas de pessoas que quiseram fazer parte da I feira Medieval da Villa de Basto.

A atual povoação do Castelo de Arnoia que corresponde à antiga sede do Concelho de Celorico de Basto, denominada Villa de Basto recebeu este fim-de-semana centenas de pessoas que quiseram fazer parte da I feira Medieval da Villa de Basto.

"Esta feira medieval é uma forma de nos levar para a data de fundação desta povoação, que embora perdida no tempo, há quem defenda uma possível formação por volta dos séculos XII XIII sob proteção milenar do Castelo de Arnoia. Com esta feira procuramos sobretudo, reavivar a nossa história, a nossa identidade" disse Joaquim Mota e Silva, presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto.

De facto, identidade e nacionalidade são duas marcas deste local, sendo que em 2020 serão comemorados os 500 anos da entrega do Foral por D. Manuel II.
"Temos um castelo de Arnoia que é monumento nacional desde 1946 e que se encontra em fase de candidatura a Património Material da Unesco, por isso estas atividades que enriquecem, que atraem, que dão a conhecer este lugar pleno de história e de beleza são fundamentais" realçou o autarca.

"A feira medieval da Villa de Basto foi uma boa experiência, muito bem recebida pela população" disse Pedro Machado, Presidente da Junta de Freguesia de Arnoia. "As pessoas ficaram surpreendidas pela positiva com a organização deste evento e apesar do tempo frio, vieram em força à Villa de Basto".

A boa recetividade desta Feira medieval já antevê a próxima edição. "É claramente objetivo que esta feira se repita em 2019, só nos falta ajustar a data com o Município e estou certo que, com uma maior divulgação e melhores condições atmosféricas, teremos uma excelente feira medieval em 2019" reforçou.

Como era de esperar a feira contou com o Cortejo no Burgo - Villa de Basto, o arauto anuncia abertura de mercado, música serracena, malabarismo, os primos, dança do ventre, teatro, encantadores de serpentes, tamegaitas, teatro-arlotes, concerto de música medieval-Arribamonte, concerto de música Árabe moçarabe, espetáculo defogo-de-artifício, cortejo ao castelo, leitura da carta do Castelo, rábulas medievais, jogos medievais, ferreiro, figuras deambulantes.
Muitas das pessoas que visitaram o certame também participaram ativamente vestidos a preceitos tal como era esperado.

Esta feira medieval foi uma organização da Junta de Freguesia de Arnoia em parceria com o Município de Celorico de Basto.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.