Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Candidatura para tratamento de rios sem financiamento
Município de Braga apoia associações para acabar com colónias descontroladas de gatos

Candidatura para tratamento de rios sem financiamento

Festa do Caldo do Pote anima Sabariz

Vale do Ave

2018-08-27 às 10h15

Redacção

Apresentada pela Brigada Verde de Caldelas (Taipas), a candidatura ultrapassou a dotação financeira máxima do aviso (500 mil euros).

A candidatura apresentada pela Brigada Verde de Caldelas (Taipas) ao fundo Ambiental do Ministério do Ambiente, foi elegível, mas não obteve qualquer financiamento. O projecto ultrapassou a dotação máxima previsto no aviso da candidatura, no valor máximo de 500 mil euros.
A candidatura tinha como finalidade a reabilitação de rios e ribeiras que atravessam a freguesia de Caldelas (Caldas das Taipas).

O Presidente da Junta de Freguesia, Luís Soares, garantiu, no entanto, que tudo fará para prolongar a angariação de financiamento e convida todos os Taipenses a continuarem a trilhar este caminho do desenvolvimento sustentável.
O fundo a que a autarquia taipense se candidatou visava também o financiamento de um plano de envolvimento, sensibilização e educação ambiental elaborado pela Brigada Verde de Caldelas.
Caso tivesse sido aprovada, a candidatura iria financiar uma intervenção no rio Ave, n a Ribeira da Canhota, e na Ribeira da Agrela, bem como nas respectivas margens. Muitas dessas acções são coincidentes com o plano de Acção da Brigada Verde de Caldelas.
Na fase de instrução, foram admitidas a concurso 60 candidaturas tendo apenas 14 delas obtido o financiamento desejado

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.