Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Barcelos: Portas vai inaugurar estátua
Escolas de Famalicão não perdem cinema de qualidade

Barcelos: Portas vai inaugurar estátua

Viana do Castelo vai reabilitar edificios do Estado degradados

Cávado

2012-10-26 às 06h00

Marta Amaral Caldeira

O ministro do Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, inaugura no próximo dia 3 a estátua em honra de D. Nuno de Santa Maria. As cerimónias arrancam na véspera com uma conferência e integram ainda um concerto.

A estátua em bronze de mais de dois metros que vai ser erguida em Barcelos, em homenagem ao santo D. Nuno de Santa Maria, “é uma mais-valia reconhecida pelo município”, garantiu, ontem, o presidente da câmara de Barcelos, Miguel Costa Gomes, durante a apresentação da mega cerimónia inaugurativa que vai ter lugar no primeiro fim-de-semana de Novembro e que vai ter a presença de Paulo Portas, ministro do Estado e dos Negócios Estrangeiros, do arcebispo primaz, D. Jorge Ortiga, entre mui- tas outras individualidades.
A homenagem é promovida pela Santa Casa da Misericórdia de Barcelos e, tal como ontem sublinhou o provedor da instituição, visa “homenagear o beato Nuno, sétimo conde de Barcelos, Condestável do reino e herói nacional”, mas também, e da mesma forma, homenagear todos os condes barcelenses e todos os militares que morreram ao serviço da pátria, com “uma imagem de primeira categoria e que é uma obra-prima”.
“Não só prestaremos um justo e duradouro testemunho de gratidão e de homenagem ao santo, como estaremos a cumprir o edificante dever de apontar às gerações futuras, como exemplo de santidade e heroicidade, o nome de quem os barcelenses tanto se ufanam de haver tido como conde da sua terra”, assinalou o provedor, que quer os barcelenses a dedicar maior veneração à figura do santo.

A estátua, só por si orçada em 56 mil euros foi esculpida por Fernando Almeida e Pedro Barbosa e arquitectada por Pedro Correia Martins e Filipe Russel, vai ser erguida no Largo do Apoio - considerado o local mais nobre da cidade - que vai ser alvo de arranjos exteriores - estes últimos da responsabilidade total da câmara.
Miguel Costa Gomes garantiu, também, “um apoio financeiro simpático” para ajudar a misericórdia a pagar a estátua ao Condestável - uma homenagem que corrobora.
“Esta é uma homenagem merecida à qual o município se associa, reconhecendo o mérito e obra de D. Nuno. Esta estátua é uma mais-valia que vai embelezar a cidade, tonando-se mais um atractivo para os visitantes e turistas”, disse o autarca.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.