Ciências da Computação da UMinho celebra 25 anos

Ensino

autor

Redacção

contactar num. de artigos 19779

A Universidade do Minho celebra esta quarta-feira 25 anos da licenciatura em (Matemática e) Ciências da Computação (LMCC/LCC), convidando à troca de experiências e trabalhos de todos os (ex-)alunos e investigadores e, ainda, divulgando o curso a potenciais interessados em ingressar no curso.
 
A sessão de abertura conta às 9h00, no Auditório A1 do campus de Gualtar, em Braga, com o pró-reitor para a Investigação, Vasco Teixeira, o diretor do curso, Rui Mendes, o diretor do Departamento de Informática, Luís Soares Barbosa, o diretor do Departamento de Matemática e Aplicações, Rui Ralha, o presidente do Conselho Pedagógico da Escola de Ciências, Filipe Vaz, e a presidente da Escola de Ciências, Estelita Vaz.

De seguida, os professores José Manuel Valença, José Nuno Oliveira e Joana Soares irão explicar como nasceu esta licenciatura e a junção pioneira das Ciências da Computação com a Matemática.
 
As escolas secundárias dos distritos de Braga, Porto e Viana do Castelo vão conhecer a partir das 10h15 o plano de estudos do curso, os avanços em robótica e inteligência artificial, bem como visitar os laboratórios, contactar com cientistas e ver trabalhos realizados pelos alunos nas diversas unidades curriculares.

Antes e após o almoço, antigos estudantes irão partilhar a sua experiência profissional e empreendedora, vindos da Deloite, Glintt, Universidade de Oxford, entre outros. Às 16h15 inicia uma mesa redonda, com vários oradores e investigadores, para se refletir e perspetivar as ciências da computação. Haverá ainda momentos lúdicos e de convívio, como bowling, snooker e um jantar comemorativo. Em simultâneo está a decorrer até quinta-feira a exposição “As máquinas com que nos fizemos”, no shopping Braga Parque. O site oficial das comemorações é www.necc.pt/25-anos.
 
Curso único no país
 
De perfil único em Portugal, a LCC nasceu em 1986/87 num projeto conjunto dos departamentos de Informática e de Matemática (hoje Matemática e Aplicações). O sucesso deste projeto de ensino evidencia-se pela visão rigorosa da computação, pela sólida fundamentação matemática e pela facilidade de inserção no mercado de trabalho, segundo a opinião dos docentes, ex-alunos e empregadores.

“Daqui saíram e continuarão a sair licenciados que muito orgulham a comunidade informática e matemática a nível nacional e internacional', refere Joana Fernandes, presidente do Núcleo de Estudantes de Ciências da Computação da UMinho (NECCUM), que promove as bodas de prata do curso.
 

*** Nota do Gabinete de Comunicação, Informação e Imagem da Universidade do Minho ***

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Últimos artigos das categorias relacionadas

Tempo

Farmácias de serviço

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia