Campeões Minhotos entram a vencer nos CNU'S!

Desporto, Braga, Vale do Ave, Nacional

autor

Redacção

contactar num. de artigos 32441

As equipas masculinas de Basquetebol e Futsal da Associação Académica da Universidade do Minho (AAUMinho), ambas campeãs em titulo, entraram da melhor forma nas Fases Finais dos Campeonatos Nacionais Universitários (CNUs) ao vencerem, facilmente, as suas adversárias. O conjunto de Rugby 7’s perdeu duas partidas e venceu outra.

Coimbra, a cidade dos estudantes, vai ser mais uma vez a capital do desporto universitário durante as próximas duas semanas. As Fases Finais dos CNUs vão colocar frente a frente as melhores equipas do desporto universitário nacional, academia contra academia, na luta pelos tão ambicionados títulos coletivos.

A AAUMinho, que nas Fases Finais de 2015/2016 conquistou nada mais, nada menos, que seis títulos coletivos, chegou a Coimbra com muita ambição, como ficou provado pelas palavras dos técnicos do Basquetebol e Futsal, José Carlos e Luís Silva:
“Estamos aqui para vencer todas as partidas e no final erguer mais uma vez o caneco”, afirmaram ambos em uníssono.

Neste primeiro dia de competição, o Basquetebol disputou duas partidas e venceu ambas. A primeira, frente à AAUEvora terminou em 44-33. A segunda, contra o ISMAI terminou com um resultado mais dilatado, 67-19.
“Apesar da equipa estar desfalcada, cumpriu e atingiu os objetivos para este primeiro dia… Faltam quatro finais!” afirmou José Carlos.

No Futsal, frente à AAUAveiro, os minhotos sem acelerarem muito, venceram facilmente os seus adversários. O resultado de 6-1 poderia ter sido mais dilatado, mas também seria algo penalizador para os aveirenses que se bateram com muita coragem frente aos campeões.

“Hoje foi positivo! Dominámos e cumprimos como seria de esperar, agora é descansar para amanhã vencermos mais duas partidas!”, concluiu desta forma Luís Silva.

No Rugby 7’s, a AAUMinho entrou a perder frente à fortíssima AACoimbra (provavelmente a próxima campeã). Os minhotos bateram-se bem, defenderam ainda melhor, mas no final venceu (26-5) quem tinha de vencer!

Frente à AEFEUP, vitória limpinha e moralizadora por 31-7. No último embate do dia, e frente à UPorto, ambas as equipas marcaram os mesmos ensaios, mas, nas conversões os do Minho mostraram-se muito perdulários. O resultado de 33-24 atira-os assim para fora da luta pelas medalhas.

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia