Correio do Minho

Braga, terça-feira

Portugal e a sua população

Nunca te esqueças de mim

Ideias

2018-07-16 às 06h00

Paulo Monteiro

A Pordata tornou público, na passada sexta-feira, o ‘Retrato de Portugal de 2018’, um resumo de indicadores da sociedade portuguesa contemporânea desde 1960 até ao último ano disponível. São quase 90 páginas onde se encontram dados sobre População, Condições de Vida e Rendimentos Familiares, Educação, Saúde, Protecção Social, Justiça e Segurança, Contas Públicas, Macroeconomia, Emprego e Mercado de Trabalho, Empresas, entre outros. De todos estes dados falemos de um que foi notícia nos últimos dias: população. Estes novos dados, referentes a 2017, são conhecidos depois do Eurostat ter tornado público, também a semana passada, os números da população da União Europeia.
E os nossos dados continuam a não ser nada animadores. Os primeiros indicativos dizem-nos que, em 2017, a população residente era de 10.300.300 (53% mulheres). Ainda os dados da Pordata, 14% da população era composta por jovens com menos de 15 anos, 65% (idade activa, entre os 15 e os 64 anos) e 21% (idosos, com 65 ou mais anos). Os dados indicam-nos, também, que o índice de envelhecimento continua a disparar... 153 (idosos por 100 jovens). No final das contas tivemos, em 2017, um saldo natural (nascimentos e óbitos) de -23 mil habitantes, enquanto o saldo migratório acabou por ser positivo, com mais cinco mil habitantes. Mais uma vez estes números traduzem que... nascem cada vez menos bebés em Portugal e que a migração acaba por ser um factor muito importante para o nosso saldo populacional. Este panorama é repetido ano para ano, até que um dia será um problema ainda maior do que o actual. Aliás, há estudos que apontam para que em 2050 sejamos apenas oito milhões. Muito mau mesmo. Há que mudar, em definitivo, políticas e mentalidades...

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

21 Agosto 2018

‘Farinha’

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.