Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +

Famalicão celebrou a leitura em mais uma edição do Concurso Nacional de Leitura

Um amor incondicional ou dar sem ter que receber

Famalicão celebrou a leitura em mais uma edição do Concurso Nacional de Leitura

Voz às Bibliotecas

2019-02-28 às 06h00

Carla Araújo Carla Araújo

Com o duplo desígnio de estimular os hábitos e os índices de leitura da população mais jovem e de melhorar as suas competências e níveis de literacia, o Plano Nacional de Leitura, em articulação com a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas e com a Rede de Bibliotecas Escolares, desafiou as escolas e os municípios de todo o país a envolverem-se em mais uma edição do Concurso Nacional de Leitura, desta feita a sua 13.ª edição. A 13.ª Edição do Concurso Nacional de Leitura, que arrancou formalmente no passado dia 3 de outubro de 2018 com a fase escolar, que englobava a realização de provas ao nível das escolas, encontra-se atualmente na etapa de apuramento das fases municipais. A fase municipal de Famalicão concretizou-se no passado dia 18 de fevereiro, na Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, com a realização de provas escritas para um total de 47 alunos e de provas orais para um total de 24 alunos, todos oriundos de seis agrupamentos de escolas e de uma escola não agrupada do concelho de Vila Nova de Famalicão.

Foi com certo nervosismo e ansiedade que alguns dos participantes, principalmente os mais novos, chegaram à Biblioteca Municipal, acompanhados dos seus professores, familiares e até apo-iantes. O dia do apuramento para a fase seguinte do concurso tinha chegado e foi com emoção que constatamos o envolvimento de todos. Como é óbvio, e tratando-se de um concurso, as expetativas sobre as provas que vinham realizar e o desempenho que daí adviria estavam nitidamente estampadas no rosto de todos, mas, na verdade, o que se veio a proporcionar foi uma excelente tarde de celebração da leitura. Para a prova escrita, todos os alunos foram desafios a ler e interpretar diferentes obras literárias de acordo com o seu ciclo de ensino. Para os alunos do primeiro ciclo foi a obra “O príncipe feliz”, de Oscar Wilde; para os alunos do segundo ciclo foi a obra “Uma questão de azul escuro”, de Margarida Fonseca Santos; para os alunos do terceiro ciclo foi a obra “Recados da mãe”, de Maria Teresa Maia Gonzalez e para os alunos do secundário foi a obra “Os livros que devoraram o meu pai”, de Afonso Cruz. Para a prova oral, os alunos foram desafios a realizar uma leitura expressiva de poemas pré-selecionados, todos de autores nacionais; uma prova de argumentação sobre questões ligadas à temática do livro e da leitura e ainda uma prova de conhecimento das obras lidas. No final de todas estas eliminatórias, o júri da prova, composto por José Moreira da Silva, professor e escritor; António Pires, Coordenador Interconcelhio da Rede de Bibliotecas Escolares, e Hilário Pereira, Bibliotecário Municipal, anunciou o nome dos dezasseis alunos vencedores, na divisão de quatro por cada ciclo, que seguirão à fase seguinte do Concurso Nacional de Leitura, a Fase Intermunicipal. Foi gratificante constatar a alegria e a satisfação dos que ouviram os seus nomes anunciados, mas, ainda assim, os que não ouviram o seu nome ser anunciado, congratularam-se pelos seus amigos e colegas se tornarem vencedores desta eliminatória.

Assim, e porque merecem esse destaque e reconhecimento, aqui ficam os nomes dos vencedores da prova municipal do concelho de Vila Nova de Famalicão: do 1º CEB foram Margarida Nunes Maia (Agrupamento de Escolas D. Maria II), Camila da Silva Carvalho (Agrupamento de Escolas D. Sancho I), Martim Branco Barroso (Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado) e Ana Miguel Felgueiras Moreira Antunes (Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco); do 2º CEB foram apurados António Guerreiro Azoia (Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado), Leonor Peniche Sousa (Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco), Pedro Afonso Martins Vale (Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado) e Ana Leonor Mendes de Castro (Agrupamento de Escolas de Pedome); os vencedores do 3º CEB foram Maria Alves Gonçalves (Didáxis, Cooperativa de Ensino de Riba de Ave), Afonso Tiago Carvalho Ribeiro (Agrupamento de Escolas de Gondifelos), Tatiana Sofia Pinto Pereira Ribeiro (Agrupamento de Escolas de Gondifelos) e Francisca Ma- chado (Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco); por último, os vencedores do Ensino Secundário foram Margarida Carnei- ro (Agrupamento de Escolas D. Sancho I), Margarida Silva Oliveira (Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado), Inês Fonseca (Agrupamento de Escolas D. Sancho I) e Joana Faria (Didáxis, Cooperativa de Ensino de Riba de Ave). Estes alunos participarão na Fase Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Ave, que se realizará, também, em Vila Nova de Famalicão, no dia 29 de abril de 2019.

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Bibliotecas

21 Junho 2019

Avelino

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.