Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +

Cuidado com as férias... pode dar separação

Solidão

Cuidado com as férias... pode dar separação

Ideias

2019-07-19 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

Um em cada cinco casais portugueses decide separar-se depois das férias...
Ter filhos, viver novas experiências sexuais ou ter uma aventura... são os motivos que mais contribuem para uma ruptura. Estes dados são da Jetcost que fez uma sondagem como parte de um estudo sobre as experiências dos portugueses durante as suas férias.

O estudo foi feito envolvendo mil pessoas, com mais de 18 anos, e que foram casadas ou tiveram um relacionamento, mas que tivessem passado pelo menos uma semana de férias juntas nos últimos 12 meses. Todos os entrevistados foram questionados primeiro, se tinham considerado alguma vez “mudar de vida” após as férias e quase três quartos deles (73%) responderam que sim.
Em seguida, foram questionados sobre qual a decisão que tinham tomado e que teve reflexo no futuro imediato. E... algumas respostas surpreendem: Deixar o trabalho (23%); Divórcio ou terminar um relacionamento (21%); Ter filhos (18%); Pôr-se em forma (16%); Comprar um animal de estimação (14%); Montar um negócio (13%); Mudar de casa (11%); Ter novas experiências sexuais (9%); Ter uma aventura (8%) ou Perseguir um sonho esquecido... escrever, cantar (7%).
É caso para dizer: se vai de férias, pense duas vezes. É nestas alturas que tudo acontece. Ou não. Quem sabe se não é o próprio casal que ganha uma nova vida!

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

12 Agosto 2019

Penso logo opino

02 Agosto 2019

Privilégios docentes

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.