Correio do Minho

Braga, sexta-feira

'Eu Acredito', de Angélico

Bragafado sobe ao palco do Theatro Circo

Música

19 Dezembro 2011

Um dos discos mais aguardados do ano, está desde hoje à venda em todo o mercado.

“Eu Acredito” é o nome do álbum de inéditos de Angélico Vieira, o qual chega ao público quase seis meses após o acidente que o vitimou.

“Eu Acredito” é o resultado de mais de um ano de trabalho de Angélico Vieira. Fruto de um intensa entrega à composição, escrita, procura de sons e melodias, gravação e produção, o álbum reúne onze temas inéditos que retratam o enorme talento do jovem artista.

O resultado final é um disco repleto de surpresas. Musicalmente, o CD aborda diferentes sonoridades: do R&B, à pop, ao hip-hop, à música eletrónica, passando pelos ritmos latinos e africanos desde sempre tão vincados na sua forma de composição. Palavras românticas, retratos de vida de todos e de cada um de nós, Angélico é responsável pela autoria de todas as letras do disco.

“O Quanto eu Gosto de Ti” é o tema de abertura, ao qual se segue “P´rá Minha Baby” a canção que Angélico iria apresentar no programa “Morangomania” em Junho passado. Maioritariamente cantado em português, o desejo de internacionalização do artista levou-o a escrever e interpretar temas em inglês, como “Close Your Eyes” ou “Unstoppable”.

O disco conta, também, com a participação de outros artistas. Em início de Maio, Angélico convidou a Rita Guerra para o acompanhar numa das mais surpreendentes músicas do álbum: “Quando Te Lembrares de Mim”. Rita Guerra acedeu de imediato ao convite e poucos dias depois estavam a gravar em conjunto.

Situações idênticas estiveram na origem de temas como “Aqui” (com Johta), “I Can’t Stop” (com Zow) ou “Unsoppable”, este último um featuring com Rusty - músico com o qual Angélico trabalhou muito de perto e com quem partilha a composição de alguns temas do disco.

Uma das grandes surpresas é a participação dos três companheiros de banda de Angélico: Edmundo Vieira, Paulo Vintém e Vitor Fonseca. O tema chama-se “Recordações” e a presença dos amigos está não só na sua interpretação vocal, como na escrita individual de cada uma das suas estrofes. A finalização desta versão data de Novembro último e é uma expressão da força que sempre uniu os quatro elementos dos D’ZRT.

Do álbum consta, ainda, o tema “When I Fall In Love”, que resulta de uma colaboração de Angélico com o DJ Mastiksoul e o produtor inglês Dada. Destaque para a arrebatadora versão R&B de “When I Fall In Love”, uma das grandes paixões do artista.

A produção e misturas finais ficaram a cargo de Nuno Meireles, o produtor que o acompanhou desde o início deste projeto.

Angélico Vieira fazia da música o seu modo de vida. Compunha, para a partilhar com o público e era a ele que dedicava cada uma das suas canções. É para o público e, em particular, para os milhares de fãs do Angélico que este disco se dirige.

Deixa o teu comentário

Últimas Música

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.